Agronegócios
03/12/2019 12:16

PIB Agro/CNA/Renato Conchon: resultado do 3tri nos fará revisar para cima projeção para acumulado de 2019


Por Augusto Decker

São Paulo, 03/12/2019 - A projeção da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) para o Produto Interno Bruto (PIB) da Agropecuária do País no acumulado de 2019, de 1%, será revisada para cima após os resultados do setor no terceiro trimestre, divulgados hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "Estamos vendo resultados e calculando nossas perspectivas, mas tenho certeza de que a projeção vai aumentar", afirmou o coordenador do Núcleo Econômico da Confederação da Agricultura, Renato Conchon, ao Broadcast Agro. Haverá revisões tanto para a projeção do PIB Agro quanto para o PIB geral do País em 2019. Hoje, a perspectiva para ambos é de 1%.

O bom resultado para a agropecuária no terceiro trimestre deste ano, de crescimento de 1,3% ante o segundo trimestre de 2019 e de 2,1% ante o terceiro trimestre de 2018, foi creditado à safrinha de milho e ao algodão. "A safrinha teve crescimento relevante, principalmente por aumento da produtividade. O produtor investiu no milho em decorrência da expectativa de alta demanda por ração animal", disse Conchon. "Algodão também teve produção positiva e ampliação de área."

Para o quarto trimestre deste ano, Conchon espera que a proteína animal impulsione o desempenho do setor. "No próximo relatório, referente ao último trimestre de 2019, temos certeza que produtos da pecuária terão incremento muito significativo e serão responsáveis por alavancar o PIB." O analista também projeta que a soja e o milho devem ter bom desempenho no ano que vem em decorrência das indefinições na disputa comercial entre Estados Unidos e China e da desvalorização do real. "Acreditamos que o produtor que se beneficiar da desvalorização do real nos últimos meses deste ano vai se sentir mais motivado para investir no ano que vem."

Apesar de destacar que o crescimento nacional ainda não está robusto, Conchon afirma que o resultado de hoje "força até os pessimistas a revisarem o crescimento do PIB brasileiro".

Contato: augusto.decker@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos