Agronegócios
17/03/2022 08:37

Lácteos/Fonterra: lucro diminui 6,9% no 1º semestre fiscal, para US$ 248,8 milhões


São Paulo, 17/03/2022 - A companhia de lácteos Fonterra, da Nova Zelândia, obteve lucro depois de impostos de 364 milhões de dólares neozelandeses (US$ 248,8 milhões) no primeiro semestre de seu ano fiscal 2022, encerrado em 31 de janeiro, informou a companhia. O resultado é 6,9% menor do que o registrado em igual período do ano fiscal anterior, de 391 milhões de dólares neozelandeses (US$ 1 = 1,4630 dólar neozelandês). Em termos ajustados, o lucro diminuiu 13%, para 364 milhões de dólares neozelandeses. A receita ficou em 10,797 bilhões de dólares neozelandeses, alta de 9% na mesma comparação.

Na região que abrange África, Oriente Médio, Europa, Norte da Ásia e Américas (Amena), a empresa teve Ebit (lucro antes de juros e impostos) ajustado de 250 milhões de dólares neozelandeses no primeiro semestre fiscal, aumento de 25% na comparação anual. "Isso foi impulsionado pelo melhor desempenho em nosso negócio no Chile e pelo aumento das vendas de ingredientes de maior valor, usados em produtos como barras de proteína e bebidas nutricionais médicas prontas para beber", disse o CEO, Miles Hurrell, em comunicado.

Na região Ásia-Pacífico, o Ebit ajustado foi de 158 milhões de dólares neozelandeses, queda de 33%. Na Grande China, o Ebit ajustado caiu 20%, para 236 milhões de dólares neozelandeses.

A Fonterra anunciou que vai pagar dividendo semestral de 5 centavos de dólar neozelandês por ação. A empresa reiterou sua estimativa de preço ao produtor para a temporada 2021/22, iniciada em 1º de junho. A projeção foi mantida em um intervalo de 9,30 a 9,90 dólares neozelandeses por quilo de sólidos de leite. Hurrel disse que isso deve injetar cerca de 14 bilhões de dólares neozelandeses na economia do país. O guidance de lucro ajustado no ano fiscal 2022 foi mantido em um intervalo de 25 a 35 centavos de dólar neozelandês por ação.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: