Agronegócios
11/10/2018 10:25

CBOT: soja e milho deve abrir em queda; trigo tende a abrir em alta


São Paulo, 11/10/2018 - Os contratos futuros de grãos devem começar o pregão operando em direções distintas nesta quinta-feira na Bolsa de Chicago (CBOT). Traders devem direcionar as movimentações, com base no relatório mensal de oferta e demanda do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), que será divulgado às 13h.

A soja deve abrir em queda, pressionada pela possibilidade do USDA elevar a sua estimativa de produção e melhora no rendimento da safra. Analistas consultados pelo The Wall Street Journal, estimam que o USDA deve projetar a safra de soja em 4,733 bilhões de bushels (128,8 milhões de toneladas), com rendimento de 53,4 bushels por acre (3,59 toneladas por hectare). No mês passado, a produção foi estimada em 4,693 bilhões de bushels (127,7 milhões de toneladas), com produtividade de 52,8 bushels por acre (3,55 toneladas por hectare). O USDA também deve elevar sua estimativa de estoques domésticos de soja ao fim de 2018/19, de 845 milhões para 907 milhões de bushels (23 milhões para 24,7 milhões de toneladas), disseram os analistas.

O milho também tende a abrir em baixa, com o ritmo adiantado da colheita nos EUA e perspectiva de safra cheia. Os analistas acreditam que o governo dos EUA vai estimar a safra doméstica em 14,851 bilhões de bushels (377,2 milhões de toneladas), de 14,827 bilhões de bushels (376,6 milhões de toneladas) no relatório de setembro. Já a previsão de rendimento deve ser aumentada de 181,3 para 181,8 bushels por acre (11,38 para 11,41 toneladas por hectare). A previsão para estoques de milho nos EUA ao fim de 2018/19 deve ser elevada de 1,774 bilhão para 1,932 bilhão de bushels (45 milhões para 49,1 milhões de toneladas), segundo os analistas.

Em direção oposta, o trigo deve abrir em alta, apesar da perspectiva de aumento nos estoques locais. De acordo com os analistas, a estimativa para reservas domésticas de trigo devem ser aumentadas de 935 milhões para 975 milhões de bushels (25,45 milhões para 26,5 milhões de toneladas).

No overnight, o vencimento novembro da soja caiu 3,75 cents (0,44%), a US$ 8,4850 por bushel. O milho para dezembro recuou 1,75 cent (0,48%), a US$ 3,6100 por bushel, enquanto igual vencimento do trigo ganhou 0,75 cent (0,15%), a US$ 5,1125 por bushel. (Isadora Duarte, isadora.duarte@estadao.com, com informações da Dow Jones Newswires)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos