Agronegócios
15/05/2018 14:49

Roberto Rodrigues diz que seguro rural é mais importante do que queda de juros para setor


São Paulo, 15/05/2018 - O ex-ministro da Agricultura Roberto Rodrigues disse há pouco ao Broadcast que acha possível a taxa de juros incidente sobre os financiamentos do Plano Safra 2018/2019, em fase de preparação, recuarem um pouco em virtude da queda da taxa básica de juros (Selic). A taxa de referência já recuou 7,75 pontos porcentuais de outubro de 2016 até agora e, provavelmente, deverá cair mais 0,25 ponto porcentual amanhã, dia 16, na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central.

"Acho que há uma possibilidade porque com a Selic caindo mais um pouco a tendência é de que haja um ajuste na taxa de juro", disse. No entanto, segundo o ex-ministro, há outros temas mais relevantes do que a queda de juros para serem discutidos, como o seguro rural.

"Qualquer país desenvolvido tem um seguro rural. A primeira coisa que fiz quando assumi a Agricultura foi fazer o seguro rural. Hoje, 15 anos depois, estamos engatinhando. Temos de dar um peso ao seguro rural, que é mais importante do que taxa de juros", disse. (Francisco Carlos de Assis - francisco.assis@estadao.com)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos