Economia & Mercados
26/09/2023 11:43

Órgão federal dos EUA investiga Perdue Farms e Tyson Foods por trabalho infantil


O Departamento de Trabalho dos Estados Unidos anunciou que está investigando fábricas operadas pelas gigantes da avicultura Perdue Farms e Tyson Foods após um relatório afirmar que empresas terceirizadas empregavam crianças migrantes para limpar as unidades de processamento de carne. O órgão norte-americano confirmou que investiga uma planta da Tyson e outra da Perdue, ambas no Estado da Virgínia. As informações foram divulgadas na semana passada pelo The New York Times.

As empresas afirmaram que não sabiam que crianças estavam trabalhando em suas instalações, uma vez que terceirizam a limpeza para empresas de saneamento. Elas disseram, ainda, que vão cooperar com as investigações.

Segundo um porta-voz da Perdue, a companhia não foi notificada da investigação, mas vai colaborar "com qualquer inquérito do governo", acrescentando que a empresa tem políticas de longa data para evitar que menores trabalhem em empregos perigosos e que violem a lei. "Exigimos dos nossos fornecedores os mesmos padrões elevados", disse.

Representantes da Tyson não responderam aos pedidos de comentários.

Em 2022, o Departamento de Trabalho informou ter encontrado dezenas de menores trabalhando ilegalmente para a Packers Sanitation Services, que fornece serviços de saneamento sob contrato, para limpar unidades de processamento de carne em Minnesota e Nebraska.

A agência afirmou que a investigação constatou que várias crianças sofreram queimaduras químicas e outras lesões em plantas de propriedade da JBS USA Holdings e Turkey Valley Farms.

Para o ex-administrador do Departamento de Trabalho no governo Obama, David Weil, "há bastante precedente" para responsabilizar empresas por violações trabalhistas de seus contratados terceirizados sob o princípio de emprego conjunto, que seria o controle e supervisão das atividades de um funcionário entre duas ou mais empresas.

Já Debbie Berkowitz, ex-conselheira de política da Administração de Segurança e Saúde Ocupacional, diz que a única maneira de acabar com o trabalho infantil nas fábricas é responsabilizar as grandes empresas de carne e avicultura. Fonte: Dow Jones Newswires
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso