Economia & Mercados
10/07/2024 20:59

EUA impõem tarifas em importações do México que contêm aço ou alumínio produzido na China


Os Estados Unidos anunciaram que vão impor tarifas em importações de produtos do México que contenham aço ou alumínio produzido na China, em comunicado divulgado hoje pela Casa Branca. A medida tem como objetivo impedir que metais chineses entrem nos EUA por meios livres de impostos.

De acordo com a Casa Branca, os EUA devem aplicar tarifas de 25% sobre importações mexicanas contendo aço da China e de 10% sobre produtos feitos com alumínio. O plano de tributação inclui exigências que o governo e as empresas do México precisam atender, como o compartilhamento de informações precisas e completas sobre a produção dos metais.

O México informou que recentemente impôs tarifas sobre o aço de países que não estão cobertos por acordos de livre comércio e, em declaração conjunta com os EUA, afirmou que a nova imposição de tarifas complementará as medidas para "proteger ainda mais o mercado norte-americano".

Os produtos do México normalmente entram nos EUA com isenção de impostos como parte de um acordo comercial com o Canadá e o México. No entanto, a partir de agora o aço e o alumínio devem ser derretidos e vazados nos EUA, no México ou no Canadá para se qualificarem para o tratamento isento de impostos, conforme o comunicado.

Siderúrgicas e outros fabricantes dos EUA têm reclamado que a China está contornando as tarifas existentes sobre o aço e o alumínio ao encaminhar os metais pelo México. Em nota, o governo dos EUA afirmou que o aço e o alumínio exportados da China têm preços injustos e se beneficiam de subsídios governamentais ilegais.

Além dos metais chineses, os EUA também devem impor uma tarifa de 10% sobre importações mexicanas que contêm alumínio da Rússia, Irã e Belarus.

*Com informações da Dow Jones Newswires
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso