Economia & Mercados
12/05/2020 09:46

Embraer aponta impacto da separação da Aviação Comercial nas entregas do 1º tri


A Embraer anunciou que a carteira de pedidos firmes a entregar ("backlog") no fim do primeiro trimestre totalizou US$ 15,9 bilhões. O valor ficou perto da estabilidade na comparação com o montante registrado em igual período do ano anterior, de US$ 16 bilhões.

No trimestre, a fabricante brasileira de aeronaves entregou cinco jatos comerciais e nove executivos, dois quais cinco eram leves e quatro grandes. Em igual trimestre do ano anterior, a Embraer havia entregado no período 11 jatos comerciais e 11 executivos.

Em nota, a Embraer destacou que historicamente entrega menos no primeiro trimestre do ano. O período, entretanto, foi impactado negativamente pela conclusão do processo de separação da unidade da Aviação Comercial da Embraer, em janeiro, na esteira do acordo comercial com a Boeing. A norte-americana desistiu do negócio e as duas empresas iniciaram um processo de arbitragem.

Ministério da Defesa

A empresa destacou ainda que no período, a Emgepron, estatal independente vinculada ao Ministério da Defesa por intermédio do Comando da Marinha do Brasil, e a Águas Azuis, empresa formada pela Thyssenkrupp Marine Systems, Embraer Defesa & Segurança e Atech, assinaram o contrato para a construção dos quatro navios Classe Tamandaré de última geração, com entrega prevista entre 2025 e 2028.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: