Economia & Mercados
16/03/2022 21:52

MRV&CO tem lucro líquido consolidado de R$ 300 mi no 4º trimestre; alta de 53,1%


A MRV&CO, conglomerado que abrange as incorporadoras MRV, Luggo, Urba e a norte-americana AHS, fechou o quarto trimestre de 2021 com lucro líquido de R$ 300 milhões, um crescimento de 53,1% em relação ao mesmo intervalo de 2020.

A AHS respondeu por R$ 186,5 milhões do lucro do grupo no período, o equivalente a 62% do total. A subsidiária ergue prédios residenciais para aluguel nos Estados Unidos, e vende os prédios inteiros para investidores. Em dezembro foi vendido o empreendimento Lake Worth, na Flórida, por US$ 54 milhões - o que impulsionou os ganhos no trimestre.

A MRV - braço que atua no Casa Verde e Amarela (CVA) e no setor residencial de médio padrão - contribuiu com R$ 74,8 milhões para o lucro do grupo. Aqui o negócio foi afetado pelo aumento nos custos de materiais, que derrubou a margem de 28,4% para 22,4% em um ano. A Luggo, de locação residencial, gerou lucro de R$ 25,4 milhões. E a Urba, de loteamentos, contribuiu com R$ 13,3 milhões.

O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) consolidado alcançou R$ 524 milhões, avanço de 60,3% na comparação entre os mesmos períodos. A margem Ebitda subiu 8,3 pontos porcentuais, para 27,5%.

A receita líquida consolidada aumentou 11,9%, para R$ 1,904 bilhão. A margem bruta consolidada encolheu 4,9 pontos porcentuais, para 23,4%.

No consolidado, as despesas comerciais diminuíram 1,3%, para R$ 169 milhões, enquanto as despesas gerais e administrativas tiveram alta de 22,1%, para R$ 144 milhões. O resultado financeiro (saldo entre receitas e despesas financeiras) ficou positivo em R$ 22 milhões, ante saldo positivo de R$ 3 milhões um ano antes.

A MRV&Co fechou o quarto trimestre com R$ 2,750 bilhões em caixa, 2% mais que um ano antes, e R$ 761 milhões de dívidas com vencimento nos 12 meses seguintes. A dívida líquida era de R$ 2,669 bilhões, aumento de 40,2% em um ano. A alavancagem (medida pela relação entre dívida líquida e patrimônio líquido) foi a 40,4%, alta de 8,9 pontos porcentuais.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: