Política
23/06/2022 10:33

Polícia prende procurador municipal de Registro que espancou procuradora-chefe


São Paulo, 23/06/2022 - A Polícia Civil de São Paulo prendeu na manhã desta quinta-feira, 23, o procurador municipal de Registro, no Vale do Ribeira, Demétrius Oliveira de Macedo, que espancou a procuradora-geral da cidade, Gabriela Samadello Monteiro de Barros, dentro da prefeitura na segunda-feira, 20. A informação foi divulgada pelo governador de São Paulo Rodrigo Garcia.

A prisão de Demetrius foi decretada pelo juiz Raphael Ernane Neves, da 1.ª Vara da Comarca de Registro, e atendeu a um pedido do delegado Daniel Vaz Rocha, do 1º Distrito Policial de Registro. Ao representar contra o procurador do município, Rocha sustentou que Demetrius ‘vem tendo sérios problemas de relacionamento com mulheres no ambiente de trabalho, sendo que, em liberdade, expõe a perigo a vida delas, e consequentemente, a ordem pública’.

O pedido de prisão preventiva foi fundamentado com fotos e vídeos da agressão, além de depoimento da procuradora-geral, diz o governo do Estado.

Como mostrou o Estadão, partiu do Ouvidor das Polícias de São Paulo, Elizeu Soares Lopes, a requisição para prender o promotor municipal. Ele disse que a medida é necessária para “salvaguardar o direito da vítima”.

Logo em seguida, o governador Rodrigo Garcia chegou a afirmar, nesta quarta-feira, 22, que o caso “não ficará impune”. “Que a Justiça faça a sua parte e puna todo e qualquer covarde que agrida uma mulher”, escreveu em seu perfil no Twitter.

O Ministério Público de São Paulo designou dois promotores de Justiça de Registro para acompanhar os desdobramentos.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: