Política
14/08/2019 15:35

Maia diz que não há chance de se pautar projeto sobre nepotismo antes de sabatina de Eduardo Bolsonaro


Por Camila Turtelli

Brasília, 14/08/2019 - O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que “não há chance” de se pautar projeto sobre nepotismo antes da sabatina do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) no Senado sobre sua indicação pelo pai, Jair Bolsonaro, à embaixada dos Estados Unidos.

Hoje, mais cedo, a Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou, em rápida votação, proposta do deputado Roberto de Lucena (PODE-SP) que proíbe o nepotismo na administração pública federal. O projeto recebeu uma emenda do relator, deputado Kim Kataguiri (DEM-SP), que transforma em nepotismo a nomeação de parente de autoridade para os cargos de ministro de Estado e embaixador. A proposta será analisada agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ). Depois seguirá para o Plenário.

“De forma nenhuma vamos misturar projeto do nepotismo com possível indicação do Eduardo para embaixada americana, isso nós não vamos fazer. Não existe projeto que tenha nome, que seja contra alguma pessoa”, afirmou Maia. “Se o projeto do nepotismo passar ele não será misturado ou nem acelerado só porque o presidente vai encaminhar o nome de um filho a indicação para um embaixada. Essa vai ser uma decisão do Senado, onde ele vai ser sabatinado e aprovado ou rejeitado, mas de forma nenhuma aprovar um projeto que limite um direito que hoje o deputado tem”, reforçou.

Na última quinta-feira, 9, os Estados Unidos formalizaram o aval para a indicação de Eduardo Bolsonaro para ser o embaixador do Brasil em Washington. Agora, cabe ao governo brasileiro oficialização no diário oficial a escolha do filho do presidente para o posto diplomático.

“Temos que ter um ambiente onde tenhamos uma regra só para tudo, vimos um ambiente de muita crítica à MP dos balanços nos jornais porque ela tinha objetivo de prejudicar os jornais. Não posso aprovar uma lei que tenha objetivo exclusivo de prejudicar o Eduardo Bolsonaro”, disse Maia.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos