Política
22/05/2020 17:54

Bolsonaro/vídeo: povo armado, jamais será escravizado


São Paulo, 22/05/2020 - Na reunião ministerial do dia 22 de abril, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender uma de suas bandeiras, que é armar a população. Segundo o presidente isso seria necessário porque é fácil impor uma ditadura o Brasil porque o povo está dentro de casa. “É fácil impor uma ditadura aqui, o povo está dentro de casa. Aí vem um bosta de prefeito que faz uma bosta de um decreto, algema e deixa todo mundo dentro de casa”, disse, xingando os governadores de São Paulo, João Doria, e Rio de Janeiro, Wilson Witzel, ferrenhos defensores do isolamento social.

Ao falar deste tema, o mandatário disse que o povo armado jamais será escravizado. “Quero escancarar o armamento, quero todo mundo armado, povo armado jamais será escravizado”, completou. E convidou seus ministros a irem visitar as periferias para ver, na sua avaliação, o sofrimento que o isolamento social vem causando, com reflexos nocivos na economia popular.

Em 15 de junho do ano passado, em discurso durante uma celebração militar em Santa Maria (RS), o mandatário defendeu armar a população, na ocasião, para evitar golpes de Estado.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos