Política
27/11/2019 17:25

TRF-4 tem maioria para manter condenação e aumentar pena de Lula


São Paulo, 27/11/2019 - O revisor da Operação Lava Jato no Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), desembargador Leandro Paulsen, votou há pouco com o relator pela manutenção da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do sítio de Atibaia e o aumento da pena de 12 anos de prisão para 17 anos.

Com os votos do relator, desembargador João Pedro Gebran Neto, e Paulsen, a Oitava Turma do TRF-4 formou maioria pela condenação de Lula. Falta ainda o voto do desembargador Carlos Eduardo Thonpson Flores.

Paulsen, concluindo seu voto, é contrário à anulação da sentença. Ele diz que está de acordo com o relator.

Paulsen diz que submeter a eficácia do trabalho de todos os juízes e desembargadores do TRF-4 à chancela por poucas autoridades é substituir um regime republicano, democrático, por um autocrático. "É concentração de poder incompatível com a estrutura do nosso Estado".

Ele relembra, ainda, que o plenário do Supremo extraiu da Constituição o impedimento à prisão enquanto não esgotados todos os recursos. Ele acompanhou integralmente o voto de Gebran Neto.

A sessão foi suspensa por alguns minutos antes do voto do último desembargador, Thompson Flores. (O Estado de S. Paulo)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos