Política
11/10/2018 14:57

Bolsonaro venceu Haddad em 18 das 20 maiores cidades


São Paulo, 11/10/2018 - Vitorioso em quase todas as regiões brasileiras, com a exceção do Nordeste, o candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, teve desempenho ainda melhor nas cidades mais populosas do País. Bolsonaro venceu Fernando Haddad em 18 das 20 maiores cidades brasileiras, independentemente de onde elas estão localizadas. Em 13 delas, o candidato do PSL teve votação superior a 50%, enquanto Haddad não conseguiu a maioria absoluta dos votos em nenhuma delas. Juntos os 20 maiores municípios do País concentram mais de 30 milhões de eleitores

A pesquisa de intenção de votos divulgada pelo Datafolha nesta quarta-feira corrobora os resultados das urnas e mostra que o candidato petista terá imensa dificuldade em conseguir reverter o quadro atual nas cidades de grande porte. De acordo com o levantamento, nas cidades com mais de 500 mil habitantes, Bolsonaro repete o desempenho nacional da pesquisa, com 58% das intenções de voto. Quando a pesquisa é estendida para as capitais e regiões metropolitanas, a diferença ainda cresce dois pontos: 59% a 41%.

Entre as 20 maiores cidades brasileiras, Jair Bolsonaro obteve seu melhor desempenho em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense e município integrante da área metropolitana do Rio de Janeiro. Nesta cidade violenta, pobre e distante menos de 15 quilômetros da capital fluminense, o candidato do PSL foi o escolhido por 65,4% dos eleitores que foram às urnas. A cidade, que foi governada duas vezes pelo senador derrotado Lindberg Farias (PT) deu apenas 14,2% dos votos.

Apesar disso, esse não foi o pior resultado de Fernando Haddad no grupo das 20 maiores cidades brasileiras. Em Goiânia, o candidato do PT foi o escolhido por apenas 11,36% dos eleitores. Bolsonaro, por sua vez, teve apenas 63,4% dos votos.

Haddad só conseguiu registrar vitórias em Salvador (BA) e São Luís (MA). Na capital Maranhense, ele superou Bolsonaro por pouco mais de 1 ponto percentual. A diferença de votos entre os dois candidatos foi de apenas 10 mil votos.

O desempenho de Bolsonaro nas maiores cidades brasileiras pode ser explicado por diferentes fatores. O candidato do PSL tem a liderança folgada entre os brasileiros que ganham cinco salários mínimos ou mais e entre aqueles mais escolarizados. Nas pesquisas para o segundo turno, Bolsonaro vence de Fernando Haddad com uma diferença superior a 30 pontos entre o eleitorado que terminou a faculdade. Já no universo de brasileiros que têm um salário superior a 10 salários mínimos, a diferença é ainda maior: 67% x 33% dos votos válidos.

Haddad só consegue superar o capitão reformado entre o eleitorado com ensino fundamental (53% a 47%) e com ganhos de até dois salários mínimos ao mês (54% a 46%). Nos dois casos, eleitores com esse perfil estão mais concentrados em cidades com menos de 50 mil habitantes, onde a diferença entre Bolsonaro e Haddad é menor do que em municípios de maior porte. De acordo com o Datafolha, nas pequenas cidades brasileira, o candidato do PSL tem a preferência de 52% da preferência dos eleitores.

Capitais nordestinas
Fernando Haddad não conseguiu se sair bem nem mesmo nas capitais da Região Nordeste, a única que lhe deu a vitória no primeiro turno. Das nove capitais da região, Bolsonaro vence em cinco delas. Ciro foi o preferido em Fortaleza e Haddad venceu em Teresina, além de Salvador e São Luís.

Foi com base nesses resultados que a equipe de Jair Bolsonaro decidiu focar parte importante de sua munição para convencer mais nordestinos a escolher o candidato do PSL. Além de diversos vídeos prometendo transformar o sertão em áreas produtivas como no deserto de Negev, em Israel, Bolsonaro passou a prometer que, se eleito, irá implantar o 13 salário do Bolsa Família. (Yan Boechat, especial para o Broadcast Político)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos