PR Newswire Economia
21/05/2024 09:27

Prêmio Mulheres do Agro abre fase de indicação popular para categoria que reconhece pesquisadoras e cientistas


Com incentivo de R$ 15 mil na categoria Ciência e Pesquisa, iniciativa fundada por Bayer e Abag amplia espaço de destaque feminino em sua sétima edição 



SÃO PAULO, 21 de maio de 2024 /PRNewswire/ -- O Prêmio Mulheres do Agro (PMA), iniciativa idealizada pela Bayer em parceria com a Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), ampliará ainda mais as chances de pesquisadoras e cientistas serem premiadas por fazerem a diferença em prol de uma agropecuária mais inovadora, sustentável e responsável. 


A partir desta semana está aberto o período de indicação popular de pesquisadoras atuantes em instituições com projetos ligados a ESG no agronegócio na categoria Ciência e Pesquisa. Com inscrições abertas até 14 de junho, no site da iniciativa, é possível inserir candidaturas após o preenchimento de informações, como nome, e-mail, telefone, vínculo institucional, link do currículo Lattes, região e um resumo da linha de pesquisa, com as principais contribuições dessa pesquisadora para o agro, considerando os pilares Econômico, Social e de Governança.  


Pesquisadoras indicadas receberão um e-mail com o regulamento vigente, informando sua indicação. Para confirmar a participação a pesquisadora deve responder o e-mail com seu aceite e enviar a documentação solicitada no prazo.  


Após o período de inscrições, uma comissão avaliadora composta de pesquisadoras acadêmicas e executivas da área analisará as indicadas, levando três para voto popular. Os votos na categoria ficam abertos ao público no site do prêmio de 2 a 13 de setembro. 


No ano de seu lançamento, em 2023, a categoria Ciência e Pesquisa avaliou 19 indicações de pesquisadoras vindas de instituições e empresas parceiras do prêmio. Para 2024, a expectativa é que mulheres de todo país apliquem seus projetos de impacto ou de grande alcance científico, enfatizando termos de sustentabilidade e inovação no agro, assim como a presença acadêmica e destaque, explica Gabriella Gandelini, Gerente de Regulamentação em Assuntos Científicos na Bayer.


"A Bayer enxerga como fundamental o papel da mulher e sua presença em diversas frentes ao longo da cadeia do agronegócio. Decidimos ao lado da Abag e empresas parceiras reforçar a importância da presença, contribuição e relevância de pesquisadoras para o setor agro por meio da categoria de Ciência e Pesquisa, e entendemos que com ela enfatizamos os avanços do setor em termos de sustentabilidade e inovação", completa a gerente de assuntos científicos. 


Inscrições abertas para gestoras de propriedades


Gestoras rurais de pequenas, médias e grandes propriedades agropecuárias de todo o país têm até 31 de julho para se inscrever na categoria de Produtora Rural do Prêmio Mulheres do Agro. Assim como a categoria de Ciência e Pesquisa, as informações de inscrição e indicação estão disponíveis no site do PMA, seguindo critérios semelhantes de preenchimento e aceite.  


As produtoras serão reconhecidas por conduzirem suas propriedades de forma sustentável, equilibrando cuidado com a natureza e meio ambiente, responsabilidade social e boas práticas administrativas. Após o período de avaliação técnica, nove mulheres serão eleitas como vencedoras da categoria de Produtora Rural.


Iniciada em 2018, a iniciativa da Bayer com a Abag acumula mais de 1.100 inscrições, reconhecendo 54 agropecuaristas de todas as regiões do Brasil e uma pesquisadora. Em 2023, o Prêmio Mulheres do Agro celebrou um aumento notável no interesse das mulheres em serem reconhecidas pelo seu trabalho no campo.  


"A cada ano a premiação recebe, em média, 10% a mais no número de inscrições, comparando com a edição anterior. Abrindo espaço para mulheres de todo o país, em 2023, registramos um novo marco:  um aumento de 371% no número de produtoras rurais inscritas apenas na região Nordeste. Por conta disso, a aposta em 2024 é que mais mulheres se inscrevam com o espaço da votação popular e indicações", diz Gabriella Gandelini.


Apoiadores institucionais


Outra novidade da premiação é a chegada do Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS), como novo apoiador institucional. Ao lado da Associação Nacional dos Distribuidores de Insumos Agrícolas e Veterinários (Andav), do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Fatec Pompeia, Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq) e Fundação Shunji Nishimura de Tecnologia, as entidades disponibilizam seus recursos e time técnico para promoção e incentivo da iniciativa.


"O apoio da Mesa Brasileira da Pecuária Sustentável ao Prêmio Mulheres do Agro vai muito além da missão de promover a sustentabilidade na pecuária brasileira. É essencial dar voz às mulheres do campo e principalmente incluir as pequenas e médias produtoras, que muitas vezes se sentem excluídas, mas que, na verdade, desempenham um papel fundamental no agronegócio brasileiro, liderando suas propriedades e trazendo consigo não apenas tecnologias, mas também um profundo compromisso com as questões de ESG. Essas produtoras já impulsionam práticas sustentáveis e uma produtividade mais consciente", celebra Ana Doralina Alves Menezes, presidente eleita da Mesa Brasileira da Pecuária Sustentável e GTPS.?? 


"Estamos entusiasmados em anunciar a participação da GTPS como nossos novos apoiadores institucionais. Junto de outras entidades respeitadas unimos forças para impulsionar a visibilidade e o reconhecimento das mulheres no agronegócio. Isso mostra o quanto esse projeto cresceu ao longo dos anos e como nós da Abag e da Bayer nos comprometemos com a missão de analisar cada detalhe, tendo uma plataforma criteriosa e justa com o trabalho de cada participante da premiação", finaliza Gislaine Balbinot, diretora-executiva da Abag.? 


Para se inscrever ou indicar uma pesquisadora, acesse o site do Prêmio Mulheres do Agro. Em seguida, Bayer e Abag entram em contato com as indicadas para comunicá-las sobre a premiação, incentivá-las a seguir com a inscrição e, caso haja interesse, auxiliar no andamento do processo.? 


Sobre a Bayer 
A Bayer é uma empresa global com competências essenciais nas ciências da vida nos setores de agronegócios e saúde. Seus produtos e serviços são projetados para ajudar as pessoas e o planeta a prosperar, apoiando os esforços para superar os principais desafios apresentados por uma população global em crescimento e envelhecimento. A Bayer está comprometida em impulsionar o desenvolvimento sustentável e gerar um impacto positivo em seus negócios. Ao mesmo tempo, o Grupo pretende aumentar o seu poder de ganho e criar valor através da inovação e do crescimento. A marca Bayer representa confiança, confiabilidade e qualidade. O Brasil é a segunda maior operação da companhia no mundo. 


Declarações prospectivas


Este comunicado pode conter declarações prospectivas baseadas nas previsões atuais da equipe executiva da Bayer. Diversos riscos, incertezas e outros fatores, conhecidos ou desconhecidos, podem gerar diferenças materiais entre os reais e futuros resultados, situações financeiras, desenvolvimentos e desempenhos da empresa e as estimativas apresentadas aqui. Esses fatores incluem aqueles discutidos nos relatórios públicos da Bayer, disponíveis no site da empresa. A companhia se isenta de qualquer responsabilidade pela atualização destas declarações prospectivas e pela precisão de eventos e desenvolvimentos futuros.? 

Cision View original content to download multimedia:https://www.prnewswire.com/br/comunicados-para-a-imprensa/premio-mulheres-do-agro-abre-fase-de-indicacao-popular-para-categoria-que-reconhece-pesquisadoras-e-cientistas-302151497.html


FONTE Bayer



A OESP não é(são) responsável(is) por erros, incorreções, atrasos ou quaisquer decisões tomadas por seus clientes com base nos Conteúdos ora disponibilizados, bem como tais Conteúdos não representam a opinião da OESP e são de inteira responsabilidade da PR Newswire Ltda

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso