Releases
23/08/2019 13:20

Músico brasileiro trilha carreira internacional e planeja aplicar projeto que tem a música como ferramenta de transformação de vidas


Rio de Janeiro, RJ--(DINO - 23 ago, 2019) -
Conquistar o seu próprio espaço no mercado musical é um dos principais desafios dos artistas, requer dedicação, talento, personalidade, oportunidade e uma pitada de muita fé. Foi com esse conjunto de habilidades, que o baterista brasileiro Rennan Azevedo conquistou notoriedade no Brasil como músico. Agora, seguindo mais uma etapa em sua carreira, Rennan parte para uma trajetória internacional.


Atualmente em Orlando, na Flórida, o baterista foi convidado a assumir as baquetas da banda americana de rock alternativo The American Love Story. Juntamente à banda, Rennan concilia um importante trabalho voluntário nas igrejas americanas Journey Christian Church, First Baptist Orlando e brasileiras Nova Vida e Renascer em Cristo, na Flórida.


TRAJETÓRIA PROFISSIONAL


O amor pela música começou cedo para o artista. Quando tinha apenas dois anos de idade, ganhou a primeira bateria do seu avô. Sua família também contribuiu com essa paixão: com uma mãe pianista e um tio baterista, os fins de semana estavam completos na cidade de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro.


Rennan foi baterista de bandas amadoras desde os 13 anos de idade, vindo a se profissionalizar aos 18 anos. Em 2010, iniciou o projeto O Expresso Panamá, banda de estilo pop voltada para eventos corporativos, que realizava apresentações em espaços de entretenimento renomados no Rio de Janeiro, como Riosampa e Vassouras Ecoresort, chegando a abrir shows de artistas brasileiros renomados, como o cantor sertanejo Luan Santana.


O baterista também integrou a banda de folk e pop OutroEu, que ganhou visibilidade nacional em 2016 ao participar do SuperStar, reality show de bandas da emissora Globo de Televisão (TV Globo), chegando à final do programa e conquistando a terceira colocação. O sucesso rendeu à banda um contrato com a gravadora brasileira Som Livre, duas músicas inclusas na trilha sonora das novelas da Globo “O Outro Lado do Paraíso” e “Tempo de Amar” e gravação de uma canção videoclipe com a cantora Sandy.


Segundo relato de profissionais da música que dividiram palco com o artista, Rennan Azevedo é um baterista de alta criatividade e performance. “Seu jeito único de executar com maestria seu instrumento o coloca em posição diferenciada no mercado musical. Munido de uma grande versatilidade, grande senso profissional, surpreendente interpretação musical e assinatura própria ao tocar, sua criatividade ao criar arranjos musicais é admirável e única. Ele é capaz de executar elementos de alta complexibilidade rítmica e técnica. Tem ótima percepção e sensibilidade harmônica e melódica, o que contribui para arranjos e composições nos grupos em que participa”.


TRANFORMAÇÃO DE VIDAS


Trabalhar com a experiência musical das pessoas para promover o bem-estar também é um dos objetivos do músico nos Estados Unidos. Paralelamente a sua carreira, Rennan planeja uma ação social com o intuito de utilizar a música como ferramenta de transformação de vidas, proporcionando às pessoas de todas as faixas etárias e de diversas nacionalidades uma melhor qualidade de vida. A iniciativa busca também a diversidade, integração e inclusão, coordenando aulas para pessoas com necessidades especiais.


Para o baterista, sua própria história exemplifica como a música tem poder de cura. Quando o seu único irmão foi assassinado em um assalto, no Rio de Janeiro, ele viveu uma depressão profunda. “Perder o meu irmão foi o momento mais difícil da minha vida e encontrei na musicoterapia um meio de tratar a minha depressão. Com a minha mãe aconteceu a mesma coisa, ela sofreu um derrame cerebral que causou problemas de memória e de leitura, e tocar piano a ajudou a se recuperar de quase todas as sequelas causadas pelo AVC”, disse Rennan.


A ideia do projeto é exercer influência positiva na área emocional, psíquica, social e cultural dos participantes. “Por meio da música, é possível melhorar a socialização, o aprendizado, auxiliar na redução da ansiedade, reduzir o comportamento agressivo, ou seja, promover o bem-estar na vida das pessoas. Eu sei que é possível porque eu vivi isso e vi pessoas próximas viverem também. A música pode ser um instrumento de transformação e resgate”, conta.



Website: http://raz2n.com

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos