Agronegócios
15/09/2020 10:55

Carnes/EUA: exportação de carne suína para China pode crescer após embargo à Alemanha, diz USDA


Nova York, 15/09/2020 - A decisão da China de suspender as compras de carne suína da Alemanha, após a identificação de um foco de peste suína africana no país europeu, deve resultar em um aumento das importações chinesas de outros grandes fornecedores, incluindo os Estados Unidos. De acordo com o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, na sigla em inglês), "a peste suína africana não foi totalmente inesperada, dado o aumento recente no número de casos no oeste da Polônia".

Em relatório publicado pelo USDA na noite de ontem, analistas acrescentam que a confirmação do caso na Alemanha será devastador para o setor de suínos do país. O USDA destaca que a indústria alemã ainda vinha se recuperando da crise decorrente da pandemia do novo coronavírus, que forçou uma série de interrupções nas operações de abate de suínos por causa da propagação da doença, além da redução do consumo. Fonte: Dow Jones Newswires
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos