Agronegócios
28/01/2019 14:48

Governo de Minas levanta prejuízos para o setor agropecuário após tragédia de Brumadinho


São Paulo, 28/01/2019 - O governo de Minas Gerais está fazendo um levantamento dos prejuízos aos produtores rurais da região após o rompimento da barragem da Vale em Bernardinho. O trabalho será feito em Brumadinho e nas cidades em que os rejeitos possam alcançar a água do rio Paraopeba. A secretária de Agricultura do Estado, Ana Valentini, se reuniu hoje em Belo Horizonte com técnicos e diretores do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), da Emater-MG, e da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig). Na cidade de Brumadinho, a indicação de dados preliminares é que as áreas atingidas são, principalmente, de plantio de hortaliças.

"Em Brumadinho, como os técnicos ainda não tiveram acesso aos locais atingidos, estamos trabalhando com dados cadastrais e de georreferenciamento de produção. Já os produtores que ficam nos municípios a jusante e às margens do rio Paraopeba também irão receber visitas e orientação sobre a impossibilidade de irrigação. Vamos buscar os dados de análise de água do rio feita pela Copasa para que possamos orientar os produtores sobre a qualidade desta água", disse Ana Valentini.

A secretaria de Agricultura também poderá pedir aos bancos que prorroguem o prazo de pagamento de crédito rural dos produtores atingidos.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos